Inclusão de João Campos no DIAP faz justiça ao trabalho sério do Parlamentar

André Abrão

André Abrão é Superintendente do Inmetro em GO e no DF

Inclusão de João Campos no DIAP faz
justiça ao trabalho sério do Parlamentar

Todo ano o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP) elege quem são os parlamentares mais influentes do Congresso Nacional. E não foi surpresa o nome do Deputado Federal goiano pelo PRB, o pastor e Delegado João Campos, estar na lista divulgada no inicio do mês de setembro último.

Presidente da frente Parlamentar Evangélica  (FEP) e do PRB em Goiás, João Campos tem sido considerado um dos principais articuladores de mudanças legislativas. Não bastasse, apresenta  propostas humanitárias em defesa da família e da vida. Por isso, concordo em  gênero, número e grau quando classificam o parlamentar goiano nesta seleta lista. Diga-se de passagem, em 2015, ele já apareceu dentre aqueles que estavam em ascensão.

É lamentável, todavia, que os 17 Deputados Federais por Goiás apenas dois tenham sido destaque. Acompanho a política goiana e, independente das cores partidárias, gosto de ver aqueles que  marcam seus nomes na história e que acabam bem colocados na política nacional.

À frente do processo relativo ás mudanças do novo Código de Processo  Penal , Campos tem atuado com maestria e organizado as propostas que devem em breve alterar a forma com que ocorrem os julgamentos criminais no Brasil. Atento aos interesses da população e ancorado com técnicos especializados sobre o assunto, tenho fé que Campos nos disponibilizará um código que possibilite diminuir a impunidade.

Tenho visto seu trabalho em defesa de um processo penal que não despreze as garantias individuais, mas que também considere direitos da sociedade.  Sua atuação combativa contra a Audiência de Custódia tem se revelado importante para o Poder Judiciário repensar o quanto pode ser negativo colocar mais e mais criminosos nas ruas.

Por estas e outras, João Campos tem conquistado os elogios dos mais variados setores da sociedade civil. Daí que o reconhecimento do DIAP é uma espécie de coroação e orgulho para nós, os goianos, que precisamos de políticos competentes no ramo da segurança pública, da justiça criminal e da articulação política.

Segundo o relatório do DIAP, João Campos tem um excelente trânsito nas diversas correntes políticas e exerce poder de persuasão dentre os pares de bancada e mesmo em relação aos outros políticos de partidos antagônicos. Em outras palavras, se revela um homem de diálogo.

É preciso que se diga: a escolha do DIAP não ocorre na base do parlamentar, dentre amigos de João Campos. Nada disso. Aproximadamente 900 entidades sindicais de trabalhadores que congregam centrais, confederações, federações, sindicatos e associações participam do DIAP e observam de perto as ações dos parlamentares que se destacam por determinadas capacidades e habilidades.

 João Campos saltou para a lista dos “cabeças” graças à sua atuação intensa e sistemática. Instituições como DIAP contribuem para mostrar efetivamente os parlamentares que têm trabalhado de forma positiva e afinado seus interesses aos da população. Assim, esperamos que Goiás seja celeiro de grandes políticos. Nas próximas listas do DIAP, espero contar com mais parlamentares sérios e honrados como o Delegado João Campos, de quem conheço o trabalho sistemático nas áreas em que milita.

 

                                   André Luiz Abrão é Superintendente do Inmetro em Goiás e Distrito Federal

 

Artigo publicado no Jornal Diário da Manhã, edição de 19.09.16

Categoria Artigos